logo-smtt feed

SMTT

Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito

Avenida Durval de Góes Monteiro, 829, KM 10, Tabuleiro do Martins
CEP 57061-000 // Fone: (82) 3315-3571

Confira cuidados na hora de contratar transporte escolar

Veículos escolares são fiscalizados regularmente, com operações intensificadas nos períodos próximos ao retorno das aulas.

Veículos escolares são fiscalizados regularmente, com operações intensificadas nos períodos próximos ao retorno das aulas.

Desde o início do ano, 218 veículos que realizavam transporte irregular de estudantes foram flagrados pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT). Este tipo de veículo é uma das alternativas buscadas para quem não tem tempo de levar ou buscar as crianças nos estabelecimentos de ensino, mas é preciso ficar atento e seguir algumas recomendações.

A SMTT orienta que antes de contratar o serviço é necessário que as pessoas procurem saber se o veículo tem autorização, o que é facilmente visualizado nos cartões de permissionários de porte obrigatório, além de identificar as faixas amarelas e o nome “ESCOLAR” na cor preta.

Os veículos que têm a permissão do órgão passam por duas vistorias anuais, os motoristas são submetidos a cursos de capacitação, e por isso há uma segurança jurídica maior para a prestação do serviço, qualificação e confiabilidade.

Uma operação, realizada nesta terça-feira (14) no entorno de escolas da capital, autuou três condutores que não submeteram os veículos às vistorias obrigatórias. Elas são essenciais para garantir a segurança das crianças e adolescentes que utilizam esse serviço.

Fiscalização aos clandestinos

Os veículos que realizam transporte remunerado de passageiros sem a devida autorização da SMTT também coloca em risco a vida dos passageiros. Desde o início do ano foram realizadas 463 abordagens a veículos suspeitos de realizarem esse tipo de serviço.

Foram 37 veículos autuados desde o começo do ano. As fiscalizações são realizadas em diversos pontos da capital, com foco nos principais corredores de transporte da cidade e com base em denúncias feitas pelo número 118.

Ascom SMTT

bg azul