feed

SIMA

Superintendência Municipal de Energia e Iluminação Pública

Rua Marquês de Abrantes, s/n, Bebedouro
CEP 57018-330 // Fones: (82) 3315-3821 / 6410 / 3828 Call Center: 0800 031 9055

Furtos de cabos: prejuízos ao Município passam dos R$ 500 mil

Este ano, o prejuízo com cabos de fios de cobre furtados dos postes de iluminação pública de Maceió, já chega a mais de R$ 500 mil. Segundo os dados da Superintendência Municipal de Energia e Iluminação Pública (Sima), mais de 17 mil metros de cabos foram levados por criminosos em 2018.

O maior furto registrado este ano foi na orla de Cruz das Almas e na de Jacarecica. Nesses bairros, mais de 10.500 metros de cabos de fios de cobre foram levados em 2018. Um número muito maior que em todo o ano de 2017, de 5.273.

Como explica o superintendente da Sima, Frederico Lins, desde que foi criada a superintendência jamais registrou um número tão alto de furtos de cabos de fios de cobre. “Ano passado o número já era alto e este ano triplicou. A Sima faz a sua parte, prestamos boletins de ocorrência, sentamos em agosto com o secretário de Segurança Pública do Estado, houve até a diminuição dos furtos em Cruz das Almas e Jacarecica após a reunião. Infelizmente os criminosos migraram para outras áreas de Maceió”.

Os registros de furto em 2018 começaram no bairro do Pontal. Cerca de três mil metros de cabos de fios de cobre furtados. A Avenida Pierre Chalita foi alvo de criminosos quatro vezes este ano. Os mais recentes foram no Corredor Vera Arruda na Jatiúca, na Ponte do Reginaldo, no Feitosa e na Praça Ganga Zumba, em Cruz das Almas.

Mais de 600 metros de cabos de fios de cobre foram furtados no Corredor Vera Arruda. Foto: Ascom Sima

Em agosto, o prefeito de Maceió, Rui Palmeira, deu uma declaração sobre os furtos na cidade. “Os prejuízos são muitos. Infelizmente, nos últimos tempos roubaram uma quantidade imensa de cabos em Cruz das Almas que deixou toda aquela região no escuro e a gente precisa solicitar da empresa que presta serviço à Prefeitura que faça a reposição, então têm que ser comprados novos cabos, tem gasto com mão de obra. A gente poderia levar iluminação de LED para mais comunidades, no entanto, estamos refazendo o trabalho”.

Denúncias podem ser feitas por telefone ou aplicativo

A Sima pede à população que denuncie situações como furto de cabos e outras demandas de iluminação pública através dos três canais de atendimento da superintendência: o Disque Luz (0800 031 9055), o site da Prefeitura de Maceió (www.maceio.al.gov.br/disqueluz) ou o aplicativo Cidade Iluminada (disponível no Google Play e na Apple Store). Os moradores também devem acionar a Polícia Militar para denunciar estas ações criminosas pelo número 190.

Ascom Sima

bg azul