feed

SMTT

Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito

Avenida Durval de Góes Monteiro, 829, KM 10, Tabuleiro do Martins
CEP 57061-000 // Fone: (82) 3315-3571

Remoção de veículos abandonados melhora espaços públicos

Durante o ano de 2018, a Prefeitura de Maceió, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) intensificou as ações para proporcionar vias mais seguras e organizadas aos cidadãos. Através do trabalho de fiscalização dos agentes de trânsito, 124 veículos abandonados, que obstruíam os espaços públicos da capital e causavam transtornos à população, foram removidos de diversos pontos da cidade.

A remoção de veículos abandonados traz mais segurança para a população. Foto: Ascom/SMTT.

A partir das denúncias realizadas pelo próprio maceioense, através do número 118, os agentes da SMTT são encaminhados ao local indicado para conversar com o proprietário do veículo e estipular um prazo para que o automóvel seja removido. Após este prazo, caso o dono não tenha cumprido com a solicitação, a SMTT removerá o carro para o pátio de apreensões do órgão.

Somente entre outubro e novembro deste ano, 65 veículos foram identificados em estado completo de abandono. Destes números, 15 foram removidos ao depósito da SMTT, e os outros 50 foram recolhidos pelos próprios donos. Isso mostra como este tipo de abordagem é de extrema importância e ajuda a conscientizar a população sobre a necessidade de preservar as vias públicas e garantir o direito de ir e vir de todos.

“Esse trabalho, que vem sendo realizado pela SMTT, é muito benéfico para a população e para a cidade de Maceió. Quando um veículo abandonado é recolhido, aquele local ficará mais seguro, evitará a proliferação de doenças e o ambiente ficará mais bonito”, detalha o assessor técnico de Trânsito da SMTT, Wanderson Freitas.

Como solicitar o serviço

Quando o cidadão identificar um veículo com sinais de deterioração ou com vegetações crescendo ao seu redor, ele poderá ligar imediatamente para o Disque SMTT, no telefone 118. Nestes casos, os maceioenses devem informar o nome da rua e ponto de referência da ocorrência, além dos seus dados pessoais como nome completo, CPF, e-mail e telefone para contato.

Laize Ferreira (estagiária) / Ascom SMTT

bg azul