feed

SMS

Secretaria Municipal de Saúde

Rua Dias Cabral, 569, Centro
CEP 57020-250 // Fone: (82) 3315-5180

Hospital do Açúcar ganha sala de vacinação para bebês

Com o objetivo de imunizar os recém-nascidos, a Gerência de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou a implantação do serviço de vacinação para os bebês nascidos na maternidade do Hospital do Açúcar no fim do mês de novembro.

Rian Oliveira foi vacinado com pouco mais de 2 horas de vida. Foto: Ascom SMS.

As vacinas ofertadas são a BCG e a Hepatite B, as primeiras que as crianças precisam tomar. Sendo assim, além de imunizar a criança, traz comodidade aos pais. A implantação da sala acontece por meio de uma parceria entre a SMS, o Programa de Imunização Estadual e o Hospital do Açúcar.

“Já otimiza e faz com que o bebê seja imunizado nas primeiras horas de vida, saindo da maternidade vacinado e aí os pais só precisarão procurar o serviço de vacinação novamente com dois meses de vida, para dar continuidade ao esquema básico de rotina”, explicou a gerente de Imunizações da SMS, Eunice Amorim.

Rian Oliveira tinha pouco mais de duas horas de vida quando foi imunizado. A avó do bebê, Janice Oliveira, falou da importância da implantação da sala de vacina. “É melhor fazer aqui do que ir pra casa e depois ainda ter que levar no posto pra vacinar”.

A avó do bebê destacou a importância da imunização. Foto: Ascom SMS.

De acordo com Claudione Gomes, enfermeira da maternidade do hospital, serão atendidos por mês cerca de 300 bebês por mês do Sistema Único de Saúde (SUS), além dos nascidos na maternidade particular.

“Esses bebês nascem com a imunidade baixa. Então, ajuda a proteger e a preparar o organismo dele. E é importante também porque os pais não precisaram sair de casa para ter essa vacinação, já sai daqui com todos os testes e vacinações completas para esse momento de vida”, disse.

Para a coordenadora de enfermagem do Hospital do Açúcar, Andreia Vasconcelos, a aceitação dos usuários têm sido boa e 100% dos bebês da maternidade, tanto do SUS, como particular já saem vacinados.

“É um momento que a gente já vinha em contato com o pessoal da secretaria para implantação dessa sala, porque a gente entende que essas crianças precisam já sair do hospital imunizadas, minimizando a evasão da vacinação. Também explicamos a importância, porque a mãe só vai saber quando a gente explicar qual a função daquela vacina, o porquê e o efeito para o bebê dela”, finalizou.

Andreia Vasconcelos e Claudione Gomes atuam no Hospital do Açúcar. Foto: Ascom SMS.

Graziela França/ Ascom SMS

bg azul