feed

SMTT

Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito

Avenida Durval de Góes Monteiro, 829, KM 10, Tabuleiro do Martins
CEP 57061-000 // Fone: (82) 3315-3571

Fiscalização recolhe veículos clandestinos no final de semana

No último final de semana, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) realizou uma operação de fiscalização nos principais corredores de transporte das partes alta e baixa de Maceió. A ação, que ocorreu nos bairros do Centro, Tabuleiro do Martins, Farol, Jacintinho, Levada, Jatiúca e Poço, teve como principal objetivo combater a prática dos transportes irregulares, conhecidos como clandestinos.

Veículos irregulares foram removidos para o pátio de remoção do órgão. Foto: Ascom SMTT

Ao todo, 127 veículos foram abordados pelos agentes do Grupamento de Ações Táticas de Transportes (GATT) da SMTT. Durante a ação, sete automóveis foram autuados e removidos pela prática do transporte clandestino. Esta irregularidade é considerada uma infração média pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Os motoristas flagrados praticando este tipo de atividade recebem multa no valor de R$ 130,16 e perdem quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Além da penalidade do CTB, o transporte clandestino também é punido pela Lei Municipal 6.466/2015, que prevê multa de R$ 2.180 para quem fizer o transporte remunerado de passageiros sem o cadastro na SMTT.

SMTT reforça fiscalização nas vias da capital. Foto: Ascom SMTT

Ainda durante a operação, sete condutores foram autuados e tiveram seus veículos removidos ao pátio da Superintendência por possuírem o licenciamento do automóvel vencido ou por infringirem o artigo 230, inciso XIV, do CTB, que proíbe a condução de veículos com registrador instantâneo inalterável de velocidade e tempo (conhecido como tacógrafo) viciado ou defeituoso. A multa para o condutor irregular é de R$ 195,23 e a perda de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

“Diariamente, a SMTT vem reforçando a fiscalização nos transportes que circulam na capital para evitar o risco de acidentes e crimes, promovendo a segurança viária dos passageiros”, declara a assessora técnica de Fiscalização de Regulares da SMTT, Vanessa Sampaio.

Laize Ferreira (estagiária)/ Ascom SMTT

bg azul