feed

DEFESACIVIL

Secretaria Adjunta Especial de Defesa Civil

Rua Cônego João Barros Pinho, 107 - Pinheiro
CEP 57055-640 // Fone: (82) 3312-5890 / 0800 030 6205
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h

Plano de Contingência: pontos recebem identificação visual

A partir desta sexta-feira (26) a população dos bairros Pinheiro, Mutange e Bebedouro conta com a identificação visual nos cinco pontos de encontro previstos no Plano de Contingência. Os pontos devem receber moradores das áreas críticas do Pinheiro (áreas vermelha, laranja e amarela) caso as chuvas atinjam um volume de 30 mm por hora. Se o volume aumentar para 40 mm por hora, os moradores das outras áreas do Pinheiro e dos bairros do Mutange e Bebedouro também devem seguir para os locais indicados no plano. A população será avisada sobre a evacuação preventiva pelos líderes comunitários e pelo Nudecs (Núcleos Comunitários de Defesa Civil).

As placas indicam o local exato dos pontos de apoio para embarque nos ônibus que serão disponibilizados para deslocar a população até o abrigo temporário, localizado no ginásio do Sesi. “Os pontos de encontro servem apenas para as pessoas se dirigirem a esses locais, onde a Prefeitura estará disponibilizando ônibus para que a população seja levada ao abrigo temporário. Lá, as pessoas receberão toda a assistência disponibilizada pelo Município, a exemplo de assistência social, médico e psicólogo”, detalhou o coordenador da Defesa Civil de Maceió, Dinário Lemos.

Pontos de apoio para uma possível evacuação no bairro do Pinheiro. Foto: Marco Antônio / Secom Maceió

A sinalização dos pontos de apoio atende as recomendações do Plano de Evacuação, que foram discutidas entre os órgãos responsáveis e a população. Os cinco pontos de apoio definidos no Plano são: Praça Lucena Maranhão, em Bebedouro; Ginásio de Esportes Tenente Madalena, no Bom Parto; Cepa, no Farol; sede do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinteal), no Mutange e Praça Joaquim Marques Luz, no Sanatório.

“Os pontos de encontro estão sinalizados, conforme acertado com os monitores, para que a população possa se localizar numa possível evacuação”, complementou Dinário Lemos.

Flávia Duarte / Secom Maceió

bg azul