feed

SMS

Secretaria Municipal de Saúde

Rua Dias Cabral, 569 - Centro
CEP 57020-250 // Fone: 82 3312-5400
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h.

PET Saúde promove seminário durante a Bienal

Com o objetivo de dialogar sobre as possibilidades e desafios da educação interprofissional, membros do Programa de Educação pelo Trabalho para Saúde (PET Saúde) se reuniram nesta sexta (8), no auditório da Associação Comercial em Jaraguá, para um seminário que teve como tema “PET Saúde: Interprofissionalidade Política Indutora da Formação Interprofissional em Saúde”. O encontro fez parte da programação da 9ª Bienal Internacional do Livro de Alagoas e contou com a presença de trabalhadores da saúde, docentes e discentes dos cursos de graduação das áreas de saúde e gestores municipais e estaduais.

Mesa de abertura do Seminário PET Saúde. Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

A Educação Interprofissional em Saúde consiste em ocasiões nas quais membros de duas ou mais categorias profissionais aprendem juntos, de forma interativa, com o propósito de avançar na perspectiva da colaboração buscando a melhoria na qualidade da atenção à saúde. Atualmente, três instituições de ensino superior contam com o PET Saúde: o Centro Universitário Cesmac, a Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal).

De acordo com Quitéria Ferreira, coordenadora do setor de Análise em Situação de Saúde da SMS e coordenadora do PET Saúde – Cesmac, o evento busca discutir como está sendo o impacto do PET nos serviços de saúde. “No primeiro momento, estamos realizando mesas temáticas voltadas para a educação interprofissional e à tarde vamos apresentar algumas experiências exitosas dos 3 PETs que estão ocorrendo dentro dos serviços de saúde. Então, esse encontro serve não só para a troca de experiências, mas para avaliarmos o impacto dessas ações colaborativas e como elas estão fortalecendo a política de saúde do ponto de vista da Atenção Primária”, explicou.

Quitéria Ferreira enfatiza a importância da troca de experiências. Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

Para Katiane Alves, coordenadora geral de Desenvolvimento de Recursos Humanos, é um momento ímpar falar sobre o PET Saúde. “Quando concebemos esse projeto junto às instituições de ensino, pensamos no que podia ser melhorado na relação entre ensino, serviço e comunidade e como está sendo a formação desses alunos. Acredito que o PET e a proposta de uma educação interprofissional, onde as várias áreas interagem, é sem dúvida um grande avanço para um Sistema Único de Saúde (SUS) melhor”, comemorou.

Katiane Alves ressalta preocupação com formação dos profissionais da saúde. Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

Virgínia dos Anjos, coordenadora geral dos Distritos Sanitários da SMS e coordenadora do PET Saúde – Uncisal, disse que o momento era de fazer uma avaliação de como, em seis meses de projeto, está sendo trabalhada a questão da interprofissionalidade nas formações oferecidas na área de saúde e como estão sendo formadas essas competências colaborativas, visando impactar nos indicadores de saúde pública.

Virgínia dos Anjos foca nos indicadores de saúde. Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

Participaram do seminário, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), UFAL, Uncisal, Cesmac e Ministério da Saúde.

Programação

Durante a manhã, ocorreu a Exposição Dialogada com o tema “Educação Interprofissional baseada no desenvolvimento de competências – possibilidades e desafios”, ministrada pela Profª Drª Emanuella Pinheiro Farias (Cesmac), tendo como debatedora a Ma. Ana Patrícia Tojal de França – Preceptora PET Interprofissionalidade UNCISAL/ US Rolland Simon.

Já no período da tarde, os profissionais contaram com uma mesa-redonda com o tema “PET Saúde: Interprofissionalidade na Formação em Saúde – Curricularização UFAL, com o Profº Dr. João Araújo Barros Neto (UFAL), a Profª Drª Angela Lima Peres (Uncisal) e Profª Esp. Fabiana Aires Suruagy (Cesmac) com a mediação da Profª Drª Thatiana Regina Favaro (UFAL).

Durante a tarde também foi realizado o painel “O SUS como Cenário de Prática da Aprendizagem Colaborativacontribuições do PET para fortalecer a interprofissionalidade nos serviços”. Na ocasião, foram apresentadas as vivências dos grupos tutoriais da UFAL (Unidade de Saúde Pimentel Amorim e Unidade de Saúde Village II/Unidade Docente Assistencial (UDA); da UNCISAL (Representantes de 3 eixos de atuação que serão apresentados) e CESMAC (Unidade de Saúde Pitanguinha e Unidade de Saúde Paulo Oliveira Costa/ Unidade Docente Assistencial – UDA.

Ana Cecília da Silva – Ascom/SMS

bg azul