feed

SEMAS

Secretaria Municipal de Assistência Social

Avenida Comendador Leão, 1.383, Poço.
CEP 57025-000 // Telefone: (82) 3315-7378. Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h.

Torneio de futebol reúne moradores em situação de rua

A Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) promoveu, na manhã desta sexta-feira (08), o I Torneio de Futebol Centros Pop no campo de areia da praia da Pajuçara. Ao todo, 43 pessoas em situação de rua participaram do evento que teve inicio às 09 horas da manhã. Os times campeões foram contemplados com medalhas de prata e outro, além de troféus.

Semas promove I torneio de futebol para população em situação de rua. Foto: Ascom/Semas

Marcelo Luiz, de 35 anos, participou do torneio e contou que depois de anos morando na rua, sentiu-se novamente inserido na sociedade. Ele aponta que o Centro Pop está sempre buscando ajudar as pessoas na mesma situação que ele. “Esse jogo que tivemos hoje foi muito importante para mim. É muito bom saber que alguém se importa de verdade com a gente e nos ajuda a sermos reinseridos na sociedade. Esse foi o meu primeiro jogo e irei com certeza irei participar dos próximos”, declarou Luiz.

De acordo com Geraldo Francelino, Coordenador Geral da Pessoa em Situação de Rua, o objetivo da Semas é de integrar e ressocializar a população em situação de rua, e o esporte tem um papel fundamental nisso. “A secretaria está sempre desenvolvendo ações que promovem a inclusão dessas pessoas, e viabilizar o torneio esportivo sempre foi um desejo. Conseguir realizar o primeiro é uma conquista e com certeza iremos desenvolver mais atividades na área socioesportiva”, disse o coordenador.

Rafael Justino, de 25 anos, é recepcionista do Centro POP I e contou que a prática esportiva estimula a autoestima, a saúde e o bem estar da população em situação de rua. “Sabemos que a vida deles é difícil. Não deve ser nada fácil passar por tudo o que eles passam, mas a gente tenta ao máximo fazer atividades e brincadeiras para que eles possam ter um momento de lazer. Eles saem se sentindo melhores não só emocionalmente como fisicamente também. Esporte faz bem para a saúde e para o bem estar”, pontou Rafael.

Maria Maia (estagiária) / Ascom Semas

bg azul