feed

DEFESACIVIL

Secretaria Adjunta Especial de Defesa Civil

Rua Cônego João Barros Pinho, 107 - Pinheiro
CEP 57055-640 // Fone: (82) 3312-5890 / 199 / 0800 030 6205
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h

Colocação de lonas em áreas de risco previne deslizamentos

Medida é paliativa e escolha dos locais considera registros de ocorrências

Com o objetivo de minimizar os riscos de deslizamentos de terra durante o período chuvoso, a Coordenadoria Especial Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) segue instalando lonas nas áreas de risco de Maceió. A medida tem caráter paliativo e a identificação dos pontos para instalação é feita após um cruzamento de dados entre o Plano Municipal de Redução de Riscos (PMRR) e os registros de ocorrências. 

Para realizar a colocação das lonas, a Defesa Civil segue um cronograma que elenca as regiões de maior risco para menor risco. Os trabalhos tiveram início no dia 1º de abril na região do Vale do Reginaldo, considerada uma área crítica em decorrência do número de ocorrências que foram registradas no último período chuvoso.  

Segundo o diretor de Planejamento e Redução de Risco da Defesa Civil, Arthur Rodas, o processo é importante por prevenir os deslizamentos de solo. “As lonas têm a função de escoar a água da chuva e redirecioná-la, evitando que as encostas fiquem saturadas e ocorra deslizamento. O trabalho é importante para mitigar os efeitos das chuvas e diminuir o risco de desastres ambientais”, explicou. 

A Defesa Civil de Maceió identificou, em conjunto com os líderes comunitários da cidade, cerca de 40 pontos que precisam da instalação de lonas, distribuídos em 12 bairros, e o cronograma segue durante todo o período chuvoso. Só no mês de abril, mais de 30 pontos de risco foram beneficiados com a ação, uma média de 6 mil metros quadrados de lonas aplicadas.

Para solicitar a colocação de lonas, os líderes comunitários podem ligar para a Defesa Civil de Maceió, que irá agendar uma visita ao local. O acionamento deve ser feito de segunda a sexta-feira, no horário de 8h às 18h, através do número 199. 

Lisa Gabriela (estagiária) / Ascom Defesa Civil 

bg azul