feed

GP

Gabinete do Prefeito

Rua Sá e Albuquerque, 235 - Jaraguá.
CEP 57022-180 // Fone: (82) 3312-5860
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h.

GGI dos Bairros: OAB está pronta para auxiliar no atendimento da população

Em vista a Prefeitura de Maceió, presidente da Ordem dos Advogados disse que instituição pode ajudar tanto de forma estrutural quanto jurídica a população dos bairros afetados por movimentação do solo

Erik Maia/Secom Maceió

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Alagoas, Nivaldo Barbosa, colocou a instituição a disposição da Prefeitura de Maceió para colaborar, tanto de forma jurídica quanto estrutural, com o município de Maceió sobre a questão dos bairros afetados pela movimentação do solo causado pela mineração de sal-gema.

O apoio foi oficializado durante uma visita ao coordenador do Gabinete de Gestão Integrada para a Adoção de Medidas de Enfrentamento aos Impactos do Afundamento dos Bairros (GGI dos Bairros), Ronnie Mota, realizada no final da manhã desta terça-feira (12) na sede da Prefeitura de Maceió, no bairro histórico de Jaraguá.

Presidente da OAB/AL diz que entidade vai trabalhar em conjunto com GGI dos Bairros (Foto: Ascom)

Para Nivaldo, é necessário que as instituições civis participem das ações para que a população possa ter o máximo de assistência possível. “Nós temos essa preocupação de assistir a população, principalmente a parcela mais vulnerável que, por falta de conhecimento ou de assistência jurídica, pode sair prejudicada”, destacou.

Para o coordenador do GGI dos Bairros, Ronnie Mota, o apoio da OAB é fundamental para dar visibilidade para o problema e para ampliar as frentes de atendimento à população. “A OAB sempre participou de fotos importantes da sociedade e tenho a certeza que a Ordem não iria se furtar nesse, que é o maior problema urbano que Maceió já enfrentou”, concluiu.

Participação dos procuradores do Município

Procuradoria do Município também participa da reunião (Foto: Ascom)

O procurador-geral do Município, João Luis Lobo Silva, e o procurador David da Guia também participaram da reunião. Eles ressaltaram que, mesmo com o último acordo homologado pela Justiça, o município vai dialogar bastante com a Braskem, com a Justiça e com os Ministérios Públicos para que empresários e moradores das áreas atingidas não sejam prejudicados.

“A gestão está acompanhando tudo de muito próximo e temos os nossos questionamentos, que no momento adequado irão ser apresentados, afinal de contas, há vários equipamentos públicos que estavam na área, além da vida de milhares de pessoas”, afirmou João Lobo.

Ronnie Mota: apoio da OAB é fundamental para dar visibilidade ao problema (Foto: Ascom)

bg azul