feed

GP

Gabinete do Prefeito

Rua Sá e Albuquerque, 235 - Jaraguá.
CEP 57022-180 // Fone: (82) 3312-5860
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h.

Prefeito em exercício, Ronaldo Lessa, visita local onde prédio desabou no Pinheiro

Foto: Itawi Albuquerque/Secom Maceió

O prefeito no exercício do cargo, Ronaldo Lessa, vistoriou, na manhã deste sábado (7), o local onde um prédio de dois andares desabou sobre uma casa no bairro do Pinheiro. Ele foi ao local onde conversou com um casal de idosos que resiste morando próximo ao local do desabamento e acompanhado de técnicos da Defesa Civil de Maceió que apontaram as causas preliminares do problema.

Foto: Itawi Albuquerque/Secom Maceió

Lessa conversou com Liene Cardoso da Silva e Vanildo Pascoal Dantas. Liene explicou que moram no bairro do Pinheiro há mais de 56 anos e que o casal tem 11 imóveis nas áreas afetadas. “Quando eu vim morar aqui, ele [Vanildo] já morava no que eu chamo de nosso casarão, onde chegamos a morar e mantivemos nossa bodega, de onde tiramos nosso sustento ao longo de alguns anos”, afirmou.

Vanildo explicou que a família resiste no local por não ter entrado num acordo que seja satisfatório com a mineradora Braskem. “Como ela disse, nós temos 11 imóveis em meio a tudo isso. Só pelo nosso casarão, eles ofereceram R$ 200 mil, e nós não conseguimos nem comprar um terreno na parte alta de Maceió com esse valor”, informou Vanildo.

Lessa ouviu Vanildo e Liene, moradores resistentes no Pinheiro. Foto: Itawi Albuquerque/Secom Maceió

Lessa disse ao casal que a Prefeitura vai cobrar celeridade na negociação do caso deles, que moram a cerca de 80 metros do local onde houve o desabamento, e que solicitou a presença do Gabinete de Gestão Integrada para a Adoção de Medidas de Enfrentamento aos Impactos do Afundamento dos Bairros (GGI dos Bairros) para averiguar essa situação.

“A gente, que hoje passa pelos bairros eventualmente, já tranca o coração quando vê o quadro. Durante anos, eu mesmo tive nesses bairros o caminho da minha casa. Estamos aqui hoje para, mais uma vez, garantir o empenho da Prefeitura de Maceió, através da Defesa Civil, em garantir justiça e segurança para todas as famílias prejudicadas na região”, afirmou Lessa.

Foto: Itawi Albuquerque/Secom Maceió

Os bairros afetados pelo afundamento do solo são constantemente monitorados por equipamentos e por vistorias diárias nas áreas com subsidência.

Ronaldo Lessa na sede da Defesa Civil de Maceió com Abelardo Nobre. Foto: Itawi Albuquerque/Secom Maceió

“O prefeito Ronaldo Lessa, é engenheiro, o que trás familiaridades com a leitura dos problemas que os bairros enfrentam hoje, e tem grande sensibilidade para lidar com as pessoas”, elogiou o coordenador geral da Defesa Civil de Maceió, Abelardo Nobre.

Foto: Itawi Albuquerque/Secom Maceió

Ronaldo concluiu informando que a população é o principal bem da gestão. “Nosso papel como políticos é cuidar das pessoas. O mais importante é salvar vidas e, se nós não tivermos isso na cabeça, não estamos cumprindo nossa missão”, concluiu.

Erik Maia/Secom Maceió

bg azul